A aspiração é a aplicação de sucção ao trato respiratório do paciente para ajudá-lo a remover secreções líquidas ou espessas das vias aéreas superiores e inferiores, quando o paciente não tem condições de removê-las sozinho.


A aspiração das vias aéreas superiores pode envolver o nariz, boca e orofaringe. A aspiração das vias aéreas inferiores envolve basicamente a traqueia e, ocasionalmente, a aspiração profunda envolve os brônquios direito e esquerdo.

MATERIAL

  • Bandeja
  • Sonda de aspiração traqueal estéril – nº 14 ou 16 (adulto), nº 8 ou 10 (criança)
  • Compressa gaze estéril
  • Pares de luvas estéreis
  • Pares de luvas procedimento
  • Solução fisiológica 10 ml
  • Aspirador
  • Frasco de aspiração
  • Máscara cirúrgica
  • Óculos de proteção lateral

 

PROCEDIMENTO

  1. Higienize as mãos
  2. Reúna o material na bandeja
  3. Explique o procedimento ao paciente
  4. Coloque o paciente em posição de semi-Fowler
  5. Conecte o aspirador ao frasco coletor
  6. Calçar luva de procedimento na mão não dominante e luva estéril na mão dominante.
  7. Segurar a sonda de aspiração com a mão dominante
  8. Com a mão não dominante clampear a extensão de látex e introduzir a sonda com a mão dominante até encontrar resistência ou ocorrer tosse por estimulação
  9. Desclampear a extensão para que ocorra a aspiração da secreção
  10. Retirar lentamente a sonda, realizando movimentos circulares. Esta etapa não deve exceder a 10s
  11. Retirar as luvas
  12. Lavar as mãos
  13. Realizar anotação de enfermagem, assinar e carimbar (conforme decisão do COREN-SP-DIR/001/2000)
  14. Registrar o procedimento em planilha de produção
  15. Manter a sala em ordem

Vídeo do procedimento

 

Gostou? Deixe seu comentário ou compartilhe!